Plano Nacional de IoT

Plano Nacional de IoT

O que é o Plano Nacional de Internet das Coisas?

A relevância da Internet das Coisas é tão grande que até mesmo o governo brasileiro resolveu intervir oficialmente para aproveitar os benefícios da inovação.

Em 2019, foi criado o decreto presidencial 9.854/2019 que, dentre outras coisas, cria uma Câmara de Gestão e Acompanhamento do Desenvolvimento de Sistemas de Comunicação Máquina a Máquina e Internet das Coisas, e institui o Plano Nacional de Internet das Coisas.

Ainda que pareça um pouco complexo, o decreto basicamente permite que o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) explore as potencialidades da IoT para beneficiar projetos nas áreas de indústria, cidades e saúde.

O objetivo é utilizar dispositivos com a tecnologia IoT para extrair dados e analisar a performance desses projetos. A partir disso, é definida a ordem das ações beneficiadas pelo Plano do governo. A supervisão ficará por conta da Câmara de Gestão, que deverá concentrar o seu trabalho em:

– promover e incentivar a criação de parcerias entre entidades públicas e privadas;
– debater os temas do Plano com órgãos e entidades públicas;
-monitorar e analisar as ações de implementação do Plano;
– ajudar e apresentar projetos mobilizadores.

Por se tratar de uma questão deliberativa, a votação das pautas do projeto não necessitam de quórum mínimo, com os deputados discutindo as ações com os integrantes presentes no local. Os ministérios da Economia e Saúde e Desenvolvimento Regional também devem participar dos debates.

Não há como negar a importância da Internet das Coisas para a indústria como um geral. O interesse do governo em explorar a tecnologia é um bom exemplo da sua abrangência.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *